Home Notícias do Dia Microencefalia: registro de casos já é 6 vezes maior que a média dos últimos anos
Microencefalia: registro de casos já é 6 vezes maior que a média dos últimos anos

Microencefalia: registro de casos já é 6 vezes maior que a média dos últimos anos

0
0

Vinte e oito pessoas morreram esse ano no estado vítimas da dengue. Dezenove mortes  ainda estão sendo averiguadas, o que pode elevar para 47 o número de mortos pelo mosquito Aedes aegypti este ano no ES, até agora. Dezoito bebês, entre nascidos e em gestação, diagnosticados com microcefalia, também estão em investigação para saber a relação com o zika vírus.

Dengue

Entre 04 de janeiro e 12 de dezembro de 2015 foram notificados 37.999 casos de dengue entre no Espírito Santo. Destes, 947 são suspeitos da forma grave.

mosquito-da-dengueO antes batizado mosquito da dengue agora também é o da chikungunya e da zica, que causa microencefalia. Dados da Secretaria Estadual de Saúde mostram que até esta quinta-feira (17) o Espírito Santo havia registrado 533 casos suspeitos de infecção pelo zika vírus, sendo sete confirmados laboratorialmente (06 em Vitória e 01 em Vila Velha).

Foram notificados 18 bebês, entre nascidos e em gestação, diagnosticados com microcefalia, mas ainda sem confirmação de relação com o zika vírus. O número é de bebês com microencefalia diagnosticados em 2015 é seis vezes maior do que a média registrada nos últimos anos.

Para se prevenir contra a doença é preciso adotar medidas de combate ao mosquito Aedes aegypti:

– Limpar o quintal, jogando fora o que não é utilizado;

– Tirar água dos vasos de plantas;

– Colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;

– Tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;

– Manter os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas, sacolas plásticas etc.;

– Escovar bem as bordas dos recipientes (vasilha de água e comida de animais, vasos de plantas, tonéis, caixas d’água) e mantê-los sempre limpos.