Home Vet Jornal Cães guerreiros são destaque no Vet jornal
0

Cães guerreiros são destaque no Vet jornal

0
0

Raça Shar Pei
shar pei
O Shar Pei é uma raça de cachorro oriunda da China. Criado para ser inicialmente um cão de trabalho para fazendas, é considerado eficiente, já que as características buscadas para tal foram alcançadas. Bom guarda, é considerado também animal de companhia, além de demonstrar aptidão como cão pastor e de rastreio.
O Shar Pei é um cachorro de tamanho médio e tem uma pele enrugada. Ele tem uma aparência quadrada com uma cabeça larga e plana. O focinho da raça Shar Pei é largo, amplo e acolchoado, com um stop moderado. Esta raça de cachorro tal qual o Chow Chow, tem uma língua escura meio azulada. A mordedura da raça Shar Pei é em tesoura. Os olhos são pequenos e amendoados de cor escura, podendo ser mais clara em cães com uma pelagem mais clara. as orelhas tem uma inserção alta, são triangulares e pequenas, ligeiramente arredondadas nas pontas. A cauda da raça é grossa na base, afinando em direção a ponta. A raça Shar Pei pode apresentar o quinto dedo e ele pode ser removido ou não.
Os filhotes têm mais rugas do que os adultos, o Shar Pei perde suas rugas lentamente à medida que envelhece. A raça pode apresentar todas as cores sólidas, menos o branco. A cauda e a parte de cima das coxas, podem ser mais claras. E no dorso e sobre as orelhas pode ou não apresentar uma cor ligeiramente mais escura. esta é uma raça de cachorro muito admirada em todo o mundo nos dias de hoje embora seja considerada uma raça rara, também é habitualmente confundida com a raça Chow Chow. A pelagem muito característica do Shar Pei é áspera ao toque, extremamente eriçada e sem sub pelo e também não deve ser tosada. A pelagem deve variar ente 1 e 2,5 centímetros de comprimento.
História da raça Shar Pei
A origem da raça Shar Pei é incerta, assim como a de tantas outras raças caninas, especialmente quando falamos de uma raça tão antiga. Pinturas em cerâmicas indicam que a raça já existia por volta de 206 aC. Especula-se que o Shar Pei possa ser um descendente do Chow Chow, no entanto, a única ligação clara entre as duas raças é a cor da língua roxa. O nome Shar Pei significa “casaco de areia” por que textura peculiar de seu pelo, funciona como um tipo de proteção contra ataques de outros animais.
Cães da raça Shar Pei foram usados como animais de fazenda e exerciam funções multiuso de trabalho para os chineses, entre elas, a caça, o rastreamento, ou como caçador de ratos, também no pastoreio, ou protegendo estoques de plantações e protegendo a propriedade e a família. Os cães trabalhavam para suas famílias e ocupavam as mais diversas funções durante seu dia. Infelizmente a raça Shar Pei foi usada também em eventos de luta de cães, pois sua pele solta e extremamente áspera tornava difícil para o outro cachorro agarrar. Os chineses também acreditavam que a aparência enrugada e a pigmentação escura da boca do Shar Pei, poderia assustar os maus espíritos. Durante a Revolução Comunista a população da raça Shar Pei diminuiu.
Em 1973, um empresário de Hong Kong adquiriu alguns poucos exemplares da raça em uma tentativa de salvar o Shar Pei da extinção e atraiu a atenção das pessoas para este cachorro, através de uma revista americana. Foi a partir desses exemplares de Shar Pei que a raça se espalhou para o mundo e vem aumentando muito sua popularidade, ocupando agora a posição de uma das mais populares raças no Brasil. A raça Shar Pei foi reconhecida pela AKC muito recentemente no ano de 1992. No Brasil a raça só começou a ser conhecida devido a uma série de reportagens do jornal Estado de São Paulo em meados dos anos 80.
Temperamento e cuidados com a raça Shar Pei
O Shar-Pei é um cachorro muito leal à sua família. Inteligente, brincalhão, bastante ativo, dominante, e corajoso, possui fortes laços de amor com sua família, e normalmente não costuma ser hostil em relação a estranhos. Se você acostumar o filhote da raça Shar Pei com gatos e crianças, enquanto ele ainda for jovem, geralmente não terá problemas com eles. O Shar Pei é fácil de lidar, é um cachorrinho calmo, independente e dedicado e por estas características ele torna-se um companheiro muito agradável e um bom cão de guarda. O Shar Pei precisa de um como a maioria das raças, precisa ter proprietários firmes e decididos. Se você age com um animal de forma inconsistente, muito submisso ou extremamente gentil, tratando o cachorro como uma criança, aos olhos do cachorro, você estará assumindo uma posição submissa e ele terá que assumir o cargo de chefe da matilha. O Shar Pei precisa de proprietários firmes e decididos, mas que o tratem com carinho, deixando bem claro sua posição de liderança de maneira extremamente consistente. O cachorro precisa compreender que todos os humanos da família estão acima dele na hierarquia da matilha. Os exemplares da raça que vêem a si mesmos como líderes se tornarão cães teimosos e desobedientes. Esta raça precisa de treinamento de obediência para estabelecer seu lugar na hierarquia de seu grupo familiar, é muito comum que Shar Peis recusem obedecer comandos de membros da família que não estabeleçam sua posição de líder sobre eles. Eles precisam de um proprietário capaz de ser o chefe. O Shar Pei geralmente não gosta de água e é bastante comum que ele não queira tomar banho. Esta é uma raça é muito limpa e não necessita de muitos cuidados de higiene.
A socialização desta raça de cachorro é importante, pois o convívio da raça Shar Pei com outros cachorros poderá ser um problema se um dos cães estiver demonstrando um comportamento dominante. No entanto, alguns Shar Pei possuem um temperamento menos dominante do que outros e se bem socializados e acostumados com outros cães desde cedo podem ter uma convivência pacífica com outros cães, tendem a se dar melhor com a convivência entre sexos opostos. Alguns exemplares da raça Shar Pei costumam babar, principalmente quando estão sentindo alguma dor. Como com todas as raças de cachorro é importante encontrar um criador responsável quando você estiver pensando em adquirir um filhote de Shar Pei. Lembre-se que o temperamento do cachorro depende de como o dono o trata. Os cães que exercem a posição de líder da sua matilha inevitavelmente irão desenvolver problemas de comportamento. Por isso é sempre recomendável passear com coleira com seu cachorro ao menos duas vezes ao dia, para que ele desenvolva uma personalidade calma e positiva.
O Shar Pei pode ter uma boa vida em apartamento, se tiver exercícios regulares. É uma cachorro moderadamente ativo dentro de casa e irá sempre preferir um quintal com jardim a sua disposição. O cão da raça Shar Pei é sensível ao clima quente, em parte devido às rugas em sua cabeça reterem o calor. Portanto nestes dias, tenha sempre a disposição de seu cão um lugar à sombra e água disponível e em fácil acesso. Se esta raça tiver exercícios adequados ele se tornará um cachorro muito calmo no convívio diário com sua família.
O Shar Pei tem necessidade de uma grande quantidade de exercícios diários, que inclui duas caminhadas. Durante a caminhada você deverá observar que seu Shar Pei esteja caminhando ao seu lado ou atrás de você, pois na cabeça do um cachorro o líder é quem comanda o passeio, e como já frisamos anteriormente este é o seu lugar na matilha.
Não exercite seu Shar Pei em dias e horários extremamente quentes pois eles são muito sensíveis ao calor. Verifique sempre a temperatura do chão, para que ele não tenha queimaduras na sola da pata.
O Shar Pei deve ser escovado regularmente, e sua pelagem nunca deverá ser tosada. Esta raça não tem um sub pelo. A pelagem solta um pouco durante todo o ano, mas a queda mais acentuada ocorre apenas duas vezes ao ano na primavera e no outono. Este período pode deixá-lo com uma aparência despenteada. Banhos frequentes não são recomendados e a escovação da pelagem pode ser feita diariamente para remover os pelos mortos. A expectativa de vida dos cães desta raça é de aproximadamente 10 anos.
Aparência e descrição da raça Shar Pei
Vindo provavelmente das aldeias que rodeiam o mar da China Meridional, o Shar Pei é uma raça inteligente, leal e alerta. O Shar Pei possui pelagem curta e dura, sem sub-pelo, e nunca deve ser tosado. Todas as cores sólidas são aceitas para a raça Shar Pei, exceto o branco. De tamanho mediano, o Shar Pei é uma raça que tem em média entre 44 e 51 cm, medidos sempre à altura da cernelha. O Shar Pei é um fantástico companheiro, calmo, independente, e muito afetuoso à família. O focinho é uma das principais características da raça; largo desde a raiz até a ponta do nariz, sem sugerir afilamento. Entretanto, as rugas sobre a cabeça e a cernelha são as características mais marcantes do Shar Pei, assim como sua pelagem curta, dura e eriçada.
Ficha da raça Shar Pei
País de origem – China
Nome orginal – Shar Pei
Grupo 2 – Molossóides Tipo Mastife
Utilização – Defesa, guarda e companhia
Porte – Médio
Necessidade de exercício diário – Baixa / Média
Temperamento – Calmo, leal, independente, protetor
Adestrabilidade – Média / Alta

 

Raça Chow Chow

chow chow
O Chow chow é uma raça canina originária da Mongólia, onde é chamada de Songshi Quan. É um cão grande, forte, ativo, compacto, de costas curtas e bem equilibrado, esta raça possui um aspecto leonino que lhe confere um ar de dignidade. Seu corpo todo é muito bem estruturado. Duas características marcantes da raça Chow Chow são: a sua língua “preto-azulada” e suas “patas de gato”, o que torna seu andar bastante pomposo.
O Chow Chow é um cão grande, forte, ativo, compacto, de costas curtas e bem equilibrado, esta raça possui um aspecto leonino que lhe confere um ar de dignidade. Seu corpo todo é muito bem estruturado. Duas características marcantes da raça Chow Chow são: a sua língua “preto-azulada” e suas “patas de gato”, o que torna seu andar bastante pomposo.
A cabeça do Chow Chow é grande e larga com um crânio achatado. A trufa também é grande e larga e de cor geralmente preta, exceto nos exemplares de cor clara, e as narinas são bem abertas. O focinho é largo, desde os olhos e possui um stop pouco pronunciado, tem um comprimento moderado e afina em direção à ponta.A raça possui uma enorme juba por trás da cabeça, o que lhe confere uma aparência de leão. Os dentes se encontram numa mordedura em tesoura. As orelhas são pequenas, grossas e suas extremidades são levemente arredondadas nas pontas, possuem um formato triangular e são portadas eretas, rígidas e bem afastadas, inseridas acima dos olhos, voltadas para frente, ligeiramente convergentes.
Os olhos da raça são amendoados e profundos, em tons escuros, de formato oval, com um tamanho médio e limpos. O peito é largo e profundo. A cauda é portada sobre o dorso. A raça pode apresentar quintos dedos que podem ou não serem removidos.
A pelagem da raça Chow Chow pode ser áspera ou lisa estes exemplares de pelagem áspera, possuem uma pelagem muito abundante e densa, reta e eriçada, mas não exageradamente comprida. Esta pelagem apresenta um sub pelo delicado e lanoso. Estes exemplares de pelagem áspera possuem uma pelagem particularmente densa ao redor do pescoço, de onde sai uma juba e na região facial e posterior das coxas. A outra variedade de pelagem desta raça é a lisa, que caracteriza-se por uma pelagem curta, densa, reta, plana, íntegra,e com uma textura felpuda que assemelha-se a uma pelúcia.
As cores mais comuns para os cães da raça Chow Chow são o vermelho sólido, preto unicolor, azul, fulvo, creme, mas também pode vir em tan, cinza, ou um branco raro. A pelagem às vezes tem tons mais claros ou mais escuros, mas nunca apresentam tons parti color ou manchas, abaixo da cauda e no posterior das coxas o tom da pelagem frequentemente é um pouco mais claro.
Aparência e descrição da raça Chow Chow
O Chow chow é uma raça canina originária da Mongólia, onde é chamada de Songshi Quan. Raça antiga e de origem ainda desconhecida, é suposto que sua imagem já tenha sido usada para decoração de objetos na Dinastia Han, 206 a.C e que durante a Dinastia Tang, um dos imperadores teve em seu canil 2 500 exemplares desta raça. Entre as especulações dos historiadores, estão os cruzamentos entre mastins e spitzs. Versátil, o Chow Chow já foi um animal de combate, guarda e puxador de trenó. Exportados pelo exército em 1820, chegaram a serem expostos em zoológicos ingleses como animais exóticos. Estes cães são considerados difíceis e teimosos para donos inexperientes.
O porte nobre e vistoso do Chow Chow, sua beleza indiscutível e sua pelagem exuberante, de cor singular provocam inevitavelmente a admiração de todos. Esta esplêndida raça, conhecida como Spitz Chinês em alguns países, está sendo muito difundida em todo o mundo.
O Chow Chow é muito versátil, sendo utilizado em muitas funções com sucesso. É um valente guardião e defensor da casa, é ótimo guarda de barcos, é ótimo caçador de presas selvagens, além de um incansável cão de tração. O Chow Chow é um cão equilibrado, de aspecto leonino, de porte orgulhoso e digno, leal mas reservado. É um cachorro ágil, compacto, curto e harmonioso em seu conjunto.
Esta raça possui um um nariz grande e preto, seus olhos são escuros e pequenos, preferencialmente de formato amendoados. As orelhas do Chow Chow são, pequenas, grossas e bem separadas entre si. Seu peito é amplo e profundo, seu dorso é curto, reto, forte e a cauda implantada alta, levada bem dobrada, apoiada na garupa.
A pelagem do Chow Chow é abundante, espessa, lisa reta, um pouco dura ao tato, com sub-pêlo suave e lanoso. Segundo o standard da raça, a variedade de pelo curto, com exceção da pelagem, é idêntica. A altura mínima para os cães da raça chow chow é de, cerca de 45 cm, entretanto a característica primordial do exemplar deve ser a harmonia do conjunto.
Ficha da raça Chow Chow
País de origem – China
Nome orginal – Chow Chow
Grupo 5 – Spitz e Tipos Primitivos
Utilização – Cão de Guarda e Companhia
Porte – Médio
Necessidade de exercício diário – Média
Temperamento – Calmo, Independente, Reservado, Leal
Adestrabilidade – Média
Fonte: http://www.blogdocachorro.com.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *