Home Notícias do Dia Vitória intensifica combate a ratos
Vitória intensifica combate a ratos

Vitória intensifica combate a ratos

0
0

A Prefeitura de Vitória declarou guerra aos ratos que infestam a capital dos capixabas. Cerca de 100 profissionais trabalham no controle de ratos com aplicação de raticidas em áreas públicas como bueiros e tocas em avenidas, ruas, becos, escadarias e praças.

Os primeiros locais que receberam a ação, promovida pelo Centro de Vigilância em Saúde Ambiental (CVSA), foram os parques de Tabuazeiro, Horto de Maruípe, Barreiros e Mangue Seco e a praça de Eucalipto (Maruípe).

O CVSA programou a ação em todas as vias e logradouros públicos destes bairros: Andorinhas, Ariovaldo Favalessa, Bonfim, Caratoíra, Comdusa, Conquista, Consolação, Bairro da Penha, Grande Vitória, Gurigica, Ilha das Caieiras, Inhanguetá, Itararé, Nova Palestina, Redenção, Resistência, Santa Martha, Santa Teresa, Santo André, Santos Reis, São Benedito, São José e São Pedro.

Além desses bairros, diversos outros pontos da cidade também receberão a aplicação de raticidas, como praças, parques e orlas. A ação acontece pela segunda vez este ano e tem previsão de ser concluída em 3 de janeiro de 2019.

 

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), os ratos podem transmitir cerca de 30 doenças ao homem.

 

Segundo o diretor do Centro de Vigilância em Saúde Ambiental (CVSA), Manoel Coutinho Pimentel Junior, diariamente são feitas ações para controle de ratos, mas essas intervenções simultâneas em vários pontos otimizam os recursos disponíveis e promovem resultados amplos e consistentes.

“A escolha dos locais obedece a critérios epidemiológicos, que são: notificações de leptospirose, áreas sujeitas a alagamentos ou com habitações e saneamento favoráveis à proliferação de roedores, concentração de consumo e manuseio de alimentos, locais de grande circulação de pessoas e solicitações para ações de controle de roedores”.

Além da aplicação de raticidas, o CVSA também vai promover ações de educação em saúde em escolas e espaços públicos, indo até as pessoas para alertar sobre os riscos que o convívio com roedores pode trazer para a saúde humana e formas simples e seguras de se proteger.

Cuidados

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), os ratos podem tranmitir cerca de 30 doenças ao homem, sendo a leptospirose a mais conhecida delas. Essa doença é transmitida ao homem por meio da urina dos animais.

A população pode se proteger e ajudar a combater os ratos na cidade tomando os seguintes cuidados:

  • Não jogar lixo a céu aberto ou em terrenos baldios;
  • Colocar o lixo em sacos plásticos e em latas com tampas apropriadamente fechadas e limpas periodicamente;
  • Dispor o lixo na rua somente uma hora antes da passagem do caminhão de lixo;
  • Acondicionar alimentos sempre em recipientes bem fechados;
  • Inspecionar periodicamente caixas de papelão, caixotes, a parte posterior de armários, gavetas e todo tipo de material que adentre no ambiente e possa servir de transporte ou abrigo de camundongos;
  • Vedar frestas ou vãos que possam servir de porta de entrada para os ratos.

tags: