Home Notícias do Dia Exposição de gravuras na Galeria Homero Massena
Exposição de gravuras na Galeria Homero Massena

Exposição de gravuras na Galeria Homero Massena

0

A partir da próxima terça (16), a Galeria Homero Massena (GHM), em Vitória, expõe parte de seu acervo de xilogravura, litogravura, linoleogravura, gravura em metal e serigrafia. A coleção de gravuras da Galeria Homero Massena abarca não só as obras dos artistas que realizaram exposições no espaço ao longo de seus 38 anos de existência, mas também obras doadas à Fundação Cultural do Espírito Santo quando as mostras aconteciam no Theatro Carlos Gomes, no início da década de 1970 e as que pertenceram à Galeria Álvaro Conde, equipamento cultural que funcionava dentro da Secretaria Estadual de Educação e foi extinta em 1992. Batizada de “Impressões do Acervo” a exposição ficará aberta ao público, de segunda a sexta-feira, das 09 às 18 horas e aos sábados das 13 às 18 horas. 

Clarice Jaeger

Autores das obras

André Magnago; Clarice Jaeger; Eimir Fonseca; Evandro Carlos Jardim; Frans Krajcberg; Herculano Ferreira; João Câmara; Jonir Figueiredo; Kirsten Lampert; Liliana Lobo; Lótus Lobo; Maria Emília Campos; Marilu Trevisan; Moema Rebouças; Natália Branco; Paulo Pardini; Thiago Arruda; Timothy Sullivan; Uiara Bartira e Yara Guasque.Thiago Arruda

Acessibilidade

A Galeria Homero Massena está investindo na qualificação dos mediadores com os parceiros Instituto Luiz Braille; Centro de Atendimento aos Surdos (CAS) e Programa de Extensão em Libras da UFES (Acessibilidade em Comunicação para Pessoas Surdas). O atendimento aos grupos de pessoas com deficiência tem se tornado um diferencial desse equipamento cultural, pois além de terem acesso a informação em Braille e Libras, as pessoas com deficiência são estimuladas a se relacionar com o espaço cultural e o conteúdo da exposição por meio de experiências sensoriais como por exemplo, na mostra “Impressões do Acervo”, na qual os as pessoas com deficiência visual poderão tocar as matrizes entalhadas de duas gravuras presentes na exposição, sentindo nas pontas dos dedos as imagens produzidas pelos artistas.

Ações educativas

Nessa exposição, a Galeria investiu em ações educativas com foco na inclusão e acessibilidade e tem como principais parceiros o Sesc Glória; o Instituto Braille; o DLCE/CE (Extensão em Libras da Universidade Federal do Espírito Santo); as Gerências de Formação Continuada das Secretarias Municipais de Educação da Serra, de Vila Velha, de Cariacica e Vitória; a Ceturb-GV; o Ateliê 904 e o CAS – Centro de Atendimento ao Surdo. As atividades ofertadas gratuitamente ao público durante a exposição incluem Encontro de Formação em Arte Contemporânea; Roda de Conversa; Oficina de Gravura para Crianças e Oficinas Acessíveis de Gravura (reserva de vagas para pessoas com deficiência).

WhatsApp chat