Home Notícias do Dia Outubro Rosa chama atenção para a prevenção do câncer de mama
Outubro Rosa chama atenção para a prevenção do câncer de mama

Outubro Rosa chama atenção para a prevenção do câncer de mama

0

Outubro foi definido como o mês de disseminação de informações sobre o câncer de mama. A idéia é incentivar a procura por exames médicos, além dos autoexames que podem levar à identificação precoce da doença.

O movimento conhecido como ‘Outubro Rosa’ é celebrado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população e de empresas e entidades. Este movimento começou na década de 1990 nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referentes ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro. A campanha derrubou as fronteiras e hoje vários países, incluindo o Brasil, realizam o evento.

Nesta quarta (04) a Associação Feminina de Combate ao Câncer (Afecc) e o Governo do Espírito Santo abriram a campanha Outubro Rosa de 2017 no estado. O evento foi realizado no Palácio Anchieta, em Vitória.

“O diagnóstico precoce é uma das estratégias de tratamento bem-sucedido. Por isso é importante que as mulheres busquem atendimento médico periodicamente nas unidades de saúde, e realizem exames de rotina entre eles o autoexame, o exame clínico da mama e a mamografia. Nos casos em que houver confirmação de diagnóstico para o câncer de mama, a paciente é encaminhada para um hospital que ofereça o acompanhamento”, disse o secretário de Estado da Saúde, Ricardo de Oliveira.

Entre as ações da Sesa para o Outubro Rosa temos a oferta do exame na Rede Cuidar, em Nova Venécia.

“Iniciamos a campanha de conscientização Outubro Rosa, priorizando as mulheres que forem encaminhadas pelo município, para realizar a mamografia. As pacientes que tiverem diagnóstico de algum nódulo, terão todo o atendimento necessário pela equipe de profissionais”, destaca Oliveira.

A presidente da Afecc, Telma Dias Ayres, aproveitou a solenidade para agradecer a sociedade e os poderes públicos de diferentes instâncias pela confiança no trabalho desenvolvido pela Associação. “Agradecemos por confiarem no trabalho que desenvolvemos para população capixaba. Infelizmente, dados oficiais demonstram que muitas pessoas ainda morrem de câncer, porém atuamos cada vez mais para informar e conscientizar a sociedade” comentou Telma Ayres.

Ao longo do mês, em várias cidades do Estado, diversas programações educativas serão promovidas, entre palestras e mobilizações. Monumentos públicos e pontos turísticos serão iluminados na cor rosa, que representa a luta contra este tipo câncer. Somente o câncer de mama corresponde a 22% dos novos casos de câncer, em cada ano, no Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca). Ainda segundo o Inca, o câncer de mama é o tipo que possui a maior incidência e a maior mortalidade na população feminina em todo o mundo. No Espírito Santo, estimam que, do início de 2016 até o final de 2017, serão 1.010 novos casos de câncer de mama. Ainda no Estado, foram registradas 332 mortes por câncer de mama, em 2016. Este ano, no primeiro semestre, 146 mulheres morreram vítimas da doença.

Mamografia

Antes da solenidade de abertura oficial da campanha Outubro Rosa, foi realizada na Praça João Clímaco, em frente ao Palácio Anchieta, a entrega de uma Unidade Móvel do Sesi especializada em mamografia e destinada a promover exames preventivos capazes de detectar o tumor em fases iniciais e aumentar as chances de sucesso no combate à doença. Com essa, chega a 19 o número de unidades que o Sesi mantém no Estado, todas destinadas à saúde.

Com seis metros de comprimento e investimentos na ordem de R$ 1,1 milhão, a unidade móvel dispõe de mamógrafo digital e capacidade para realizar até 256 atendimentos por mês. “A unidade móvel chega ao Estado exatamente no mês em que o mundo inteiro se volta para a prevenção do câncer de mama, com o movimento Outubro Rosa. É nossa contribuição para o combate à doença”, explica Luis Carlos Vieira, superintendente do Sesi-ES.

Atendimento

As estratégias para a detecção do câncer de mama são o rastreamento e o diagnóstico precoce. Recomenda-se que as mulheres busquem atendimento médico periodicamente numa unidade de saúde para que possam fazer os exames de rotina, entre eles o exame clínico da mama e a mamografia.

As mulheres diagnosticadas com câncer de mama são referenciadas para um dos sete hospitais com esse perfil de atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) no Espírito Santo. Na Região Central, as referências são o Hospital São José (Colatina) e o Hospital Rio Doce (Linhares); e, na Região Sul, o Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim. Já na Região Metropolitana, há o Hospital Evangélico de Vila Velha e a Santa Casa de Misericórdia, o Hospital das Clínicas e o Hospital Santa Rita, os três localizados em Vitória.

WhatsApp chat